domingo, outubro 30, 2011

Capítulo 1.


"Eu quero eternizar o seu sorriso lindo – mas eu nunca falei dele pra você."
Tati Bernardi

Quero te eternizar na minha memória. E mandar boas coisas mentalmente toda vez que penso em ti.
Quero eternizar teu sorriso, teu jeito e toque. 
E quero conhecer teus gostos, manias e defeitos. Desses detalhes que nos fazem decifrar uma pessoa.
Mande notícias, mensagens, cartas. Me ligue.
Só peço que não se perca de mim. 
Peço que não desapareça dos meus sonhos, apareça em minha realidade.
Peço tua presença, por mais que desconheçamos os próximos capítulos dessa história.
Peço que permaneça colorindo meus dias, mesmo que à distancia.

@Ladymsr


segunda-feira, outubro 17, 2011

O simples é tudo


"Eu carrego comigo uma caixa mágica onde eu guardo meus tesouros mais bonitos. Tudo aquilo que eu aprendi com a vida, tudo o que eu ganhei com o tempo e que vento nenhum leva. (…) O pouco é muito pra mim. O simples é tudo que cabe nos meus dias. Eu vivo de muitas saudades. E quem se arrebenta de tanto existir, vive pra esbanjar sorrisos e flashes de eternidade.”
Caio Fernando Abreu



domingo, outubro 16, 2011

Ele não é só um cara


"Ele te ouve como se te entendesse, fala como quem soubesse o que dizer e não diz nada muitas vezes, porque ele entende os silêncios. Ele existe. Você sabe que seriam bons amigos, bons parceiros, bons inimigos, mas você prefere ser a garota dele.E sabe que serão importantes na história um do outro para sempre, independentemente de tudo que estiver pra acontecer. Porque ele não é só um cara. Você não quer mais só um cara. E ele é tudo que você quer hoje."



Tati Bernardi


É, ele não é só um cara! Ele me faz sonhar. Me faz ter vontade de viver. Desperta o melhor em mim.
Ele me conhece como ninguém, conhece todas minhas expressões e poderia desenhar cada curva do meu corpo. 
Ele não é só um cara, ele é um anjo. É nele que penso toda noite antes de cair no sono.
Ele não é qualquer um. É meu amigo, confidente, meu amor. E tudo o que eu desejo nessa noite é poder abraçá-lo e dizer que seu sorriso por perto me faz falta.



segunda-feira, outubro 10, 2011

Sem começo, sem fim



'Eles não souberam quando começaram ou terminaram, se por algum momento a mágica do “nós” chegou a acontecer, se podia ser amor ter vontade de dividir uma pizza. Talvez ela quisesse somente uma companhia, alguém para chamar de “amor”, um par de meias novas no Natal e passear na pracinha que tem apenas uma árvore. Ele quis um apartamento maior, a estabilidade que pode ser superficialmente alcançada, um salário mais proveitoso. Nunca disseram adeus, nem até mais, nem qualquer outra coisa que desse possibilidade de um fim ou de um próximo encontro; terminavam as conversas com beijos, quando mais frios com abraços. Talvez ele a ame. Talvez ela quisesse saber disso. Por causa da mudez das emoções que sentiam, eles não sabiam que destino davam a si. O bonito deles é a coisa mais simples em suas histórias: de alguma forma silenciosa e cheia de esperança, eles esperavam um pelo outro, embora nenhum pedido tenha sido feito.'

Cáh Morandi

segunda-feira, outubro 03, 2011

Quebra-cabeça


"Não passam as dores, também não passam as alegrias. Tudo o que nos fez feliz ou infeliz serve pra montar o quebra-cabeça da nossa vida, um quebra-cabeça de cem mil peças. Aquela noite que você não conseguiu parar de chorar, aquele dia que você ficou caminhando sem saber para onde ir, aquele beijo cinematográfico que você recebeu, aquela visita surpresa que ela lhe fez, o parto do seu filho, a bronca do seu pai, a demissão injusta, o acidente que lhe deixou cicatrizes, tudo isso vai, aos pouquinhos, formando quem você é. Não há nenhuma peça que não se encaixe. Todas são aproveitáveis. Como são muitas, você pode esquecer de algumas, e a isso chamamos de "passou". Não passou. Está lá dentro, meio perdida, mas quando você menos esperar, ela será necessária para você completar o jogo e se enxergar por inteiro."

Martha Medeiros




Rotina



Apesar de tanto tempo esperando por ti,
sentir tua falta não se tornou rotina.
E à cada dia travo uma guerra com meus desejos.
Sinto tanta, tanta, tanta saudade.
Queria poder te dizer que é muito o que sinto.
Mas o silêncio não é tão bom companheiro
e o choro baixinho, sufocado no travesseiro é comum.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...